HomeSaúdeMarca americana lançará camisinha sob medida

Marca americana lançará camisinha sob medida

camisinhaone

Marca americana lançará camisinha sob medida

A marca de camisinhas ONE, que será lançada em setembro nos Estados Unidos, trará dimensões customizadas (Divulgação / ONE)

“Sapatos e calças vêm em diferentes tamanhos, então por que não camisinhas?”, diz Davin Wedel, presidente da Global Protection Corp., que tem braços como a ONE® Condoms. No segundo semestre, a marca de camisinhas lançará 56 (!!!) modelos com diferentes larguras e tamanhos. Por meio de um download e um kit, o cliente fará medições do pênis e receberá um código referente à camisinha ideal dentre as dezenas de opções.

Mas os atuais PP, P, M, G e GG não são suficientes? Hum, parece que não… Davin acredita que camisinhas podem ser seguras e confortáveis, atendendo à ampla variedade de genitais. [Gente, por que as marcas de sapatos não fazem isso? Só eu tenho a sensação de que um pé é 36 e o outro, 37?] A ideia da ONE é vestir, quase como um alfaiate, os pênis da galera. E assim, quem sabe, incentivar mais homens a fazer sexo seguro sempre. 

– O mercado oferece vários tipos de camisinhas com espessuras, texturas e sabores. Mas não com 56 diferentes tamanhos – como a ONE. Essa quantidade é realmente necessária?

DAVIN – Estudos mostram que o tamanho do pênis varia muito, faz bastante sentido que preservativos tenham várias opções de comprimento e largura. Acreditamos que camisinhas customizadas são o próximo passo para aumentar o uso e a aceitabilidade delas. Nós vemos aquelas demonstrações de gente colocando a mão ou a cabeça dentro de uma camisinha com o objetivo de dizer que é bobagem a reclamação dos caras de que não vestem bem. Claro que você pode conseguir colocar uma melancia dentro de uma camisinha, mas alguém já perguntou para a melancia como ela se sentiu? O fato de caber, não significa que está confortável. Muitas pessoas acham que é melhor estar protegido, mesmo isso prejudique o conforto. Nós acreditamos que é possível ter as duas coisas.

Davin Wedel, presidente da empresa, acredita que camisinhas podem ser seguras e confortáveis (Divulgação / ONE)

– Os homens deixam de usar camisinha por causa disso?

DAVIN – As pesquisas mostram de forma consistente que muitos homensevitam camisinhas porque elas não servem bem ou são desconfortáveis. Reclamam que costuma ficar larga, apertada, curta, comprida… O que pode resultar em perda de ereção, falta de sensibilidade e dificuldade de chegar ao orgasmo. Nós estamos oferecendo tamanhos que se ajustam perfeitamente em 80% dos usuários de camisinhas. Outros 10% vão sentir uma considerável melhora em relação às camisinhas comuns.

– Com tantos tamanhos diferentes de camisinha da ONE, como um cara saberá qual a ideal para seu pênis? A embalagem trará alguma identificação que possa constranger – tipo “ultrapequeno” ou “superfino”?

DAVIN – Os clientes poderão medir tanto o comprimento quanto a largura do próprio pênis fazendo o download de um kit da ONE. Assim eles receberão um código do produto que corresponde a sua camisinha ideal. Cada tamanho é determinado por um código único, portanto não vai aparecer em nenhuma embalagem.

– Como um homem pode saber se está usando uma camisinha qualquer no tamanho errado?

DAVIN – Por exemplo, se a camisinha está muito apertada, eles geralmente dizem que “não conseguem sentir nada no sexo” [perda de sensibilidade]. Se a camisinha está comprida, ela não desenrola até o final e esse monte de elástico aperta a base do pênis. O excesso de látex nesse caso também pode fazer com que a camisinha “embrulhe” durante o sexo, ficando “pendurada” e aumentando as chances de ela sair completamente.

Sete exemplos de que você está usando a camisinha errada. Da esquerda para a direita: Muito apertada, Muito folgada, Pendurada, Toniquete, Amontoada, Curta, Sobe em direção ao prepúcio (Divulgação / ONE)

– Então é mais do que desconforto, é um perigo mesmo.

DAVIN – Um estudo com 820 homens, conduzido por pesquisadores da Universidade de Indiana, concluiu que camisinhas comuns (de um único tamanho) estouram duas vezes mais do que as camisinhas ajustadas/customizadas.

– Por isso vocês consideram que essa é uma questão de saúde pública?

DAVIN – Nosso objetivo é ajudar a ampliar o uso de camisinha, fazendo com que elas sejam mais confortáveis e prazerosas – já que boa parte das queixas tem a ver com o fato de não servirem bem. Oferecer uma gama maior de tamanhos de preservativos tem implicações poderosas no aumento do uso e no impacto positivo que isso representa para a saúde pública como um todo.

– Onde as camisinhas da ONE serão vendidas – no Brasil também? Quanto custarão?

DAVIN – Elas serão lançadas oficialmente no outono [norte-americano, a partir de setembro] e estarão disponíveis nos Estados Unidos, Canadá, União Europeia e Sudeste Asiático. Ainda não registramos para venda no Brasil, mas estamos trabalhando para levar a outros países. Estamos avaliando os preços para torná-la o mais acessível possível.

***Este post foi originalmente publicado na coluna da Nath no Yahoo.

*SIGA PIMENTARIA:

– Facebook/napimentaria

– Instagram @pimentaria

– Twitter/napimentaria

– Youtube/napimentaria

Compartilhar:
Sem Comentários

Deixe um comentário