Quando os créditos subiram na tela e as luzes acenderam, fiquei feliz por ter dispensado o rímel naquela ida solitária ao cinema. Hazel e Augustus, personagens de “A culpa é das estrelas”, me deram uma desculpa poética para desaguar as

Ando com uma pequena obsessão por GIFs de animais, especialmente depois que cismei de associar suas expressões com as nossas experiências afetivas e sexuais. Rir, dizem, é altamente afrodisíaco :) 1. Mensagem nova no Whatsaaaaaaapp

É obrigatório assistir ao vídeo antes de ler o post. Escrevo este texto da minha pequena mesa de jantar, cujos pés estão mastigados pela cadela vira-lata que jamais consegui adestrar. Embora seja meio-dia, acabei de acordar: tive insônia esta noite

Amo meu namorado, somos muito felizes afetiva e sexualmente. Falamos sobre nossas fantasias sem problemas. Há tempos tenho vontade de vê-lo com outra mulher. E esta vontade a cada dia cresce mais. Ainda não conseguimos realizá-la porque não queremos que

“Parei a pílula uns meses atrás”, uma amiga confessou, entre goles de caipirinha. “Ai, é agora: ela vai me convidar pra ser madrinha do filho que está esperando”, emocionei - do tipo lagriminha no canto do olho. Não era nada

*Foto de Daniela Toviansky (2012) Ontem eu não ganhei um buquê de flores. Ele bateu a porta de casa para trabalhar e esqueceu que era Dia dos Namorados. Ainda misturada aos lençóis, acompanhei do celular as declarações que congestionaram as redes

É uma tremenda ironia que a mulherada fique “cheia de dedos” para falar sobre siririca, ao invés de usá-los com orgulho em busca do prazer solitário. O pudor está, antes de tudo, nas palavras: masturbação agora é chamada de autoerotismo

Eu ainda usava lancheira quando experimentei o primeiro fora da minha vida. Era magrela, aparelhos nos dentes, cabelo desajeitado, não largava um diário com cadeado - que segredos podia guardar uma menina de dez anos? Ele era mais velho, estava